Impaciência

Tenho uma impaciência muito grande.

Hoje vi um rapaz muito impaciente a andar. Ele estava impaciente porque estava a andar. Só isso. Mas chega, porque a andar não se faz nada. Só se chega a um certo lugar. Que perda de tempo. Estava impaciente e olhava para todo o lado. ‘Será que há alguma coisa que eu possa fazer enquanto ando? Alguém a quem eu me possa dirigir e fazer uma troca de alguma coisa? Alguém com o mesmo sentimento que eu?’

Ele podia ter olhado para cima que eu estava lá na janela. E podia sorrir pelo menos. E compreendia o que ele estava a sentir. Mas não reparou em mim e continuava a andar de forma não coordenada, não mecânica porque queria à força que o próprio andar fosse uma novidade. E continuava a olhar curioso para todo o lado. Impaciente e desconfortável. Quase sufocado com o aborrecimento.

 

Estou impaciente porque estou à espera que me fales.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s